Pular para o conte√ļdo principal

Listando no Active Directory usu√°rios ativos e inativos com PowerShell



E a√≠ meus amigos! Tudo bem com voc√™s? 

Por aqui tudo ótimo! :)


Trago hoje mais um script em PowerShell que me auxiliou muito.


Est√°vamos em um call com um fornecedor para adquirir uma solu√ß√£o e essa solu√ß√£o tinha seu valor de licenciamento calculado na quantidade de usu√°rios ativos no Active Directory. 


Foi necess√°rio extrair uma lista dos usu√°rios que tivessem feito logon no Active Directory nos √ļltimos 3 meses. Tamb√©m era necess√°rio que fossem contabilizadas somente contas que estivessem habilitadas.


A partir daí, bolei um script em PowerShell que resolvesse essa necessidade.


Basta alterar a vari√°vel ‘$daysActive’ para a quantidade de dias que voc√™ precisa. Nesse caso est√° configurado para ‘90’, que s√£o 3 meses. Mas voc√™ pode configurar isso de acordo com a sua necessidade.



“Ah cara, muito legal isso, mas eu precisava de um script que listasse os usu√°rios inativos.” 


Muito simples! Usa o script abaixo. Ele lista usu√°rios que n√£o tenham se logado h√° mais de 90 dias. Caso precise alterar a aumentar a quantidade de dias, como por exemplo para 6 meses, apenas configure a vari√°vel ‘$daysInactive’ para a quantidade de dias necess√°rios.



Se foi √ļtil para voc√™ deixe seu coment√°rio! ;)


Postagens mais visitadas deste blog

Azure Resource Groups - Entenda o que é, aprenda a criar a excluir pelo Portal do Azure e Azure CLI

E a√≠ meus amigos, tudo certinho com voc√™s? Por aqui tudo bem! Se voc√™ chegou at√© aqui √© porque hoje voc√™ acordou com vontade de aprender sobre ‘Resource Groups’. O que s√£o os Resource Groups? O ‘Resource Group’ √© uma cole√ß√£o de recursos computacionais no Azure para sejam agrupados logicamente de acordo com a solu√ß√£o, por ambiente, por recursos, por departamento ou por regi√£o, ou da forma que fa√ßa mais sentido para sua organiza√ß√£o, de acordo com padr√Ķes ou nomenclaturas adotadas em sua companhia. Eles compartilham as mesmas permiss√Ķes, ciclo de vida e pol√≠ticas.  A grosso modo o ‘Resource Group’ pode ser entendido como uma pasta ou um grupo onde voc√™ organiza seus recursos computacionais da Azure. √Č poss√≠vel ter quantos ‘Resource Groups’ conforme forem necess√°rios. Os ‘Resource Groups’ n√£o possuem subn√≠veis, ou seja, n√£o √© poss√≠vel ter um ‘Resource Group’ dentro de outro ‘Resource Group’. Para cria√ß√£o de recursos computacionais no Azure √© necess√°rio associar este recurso que est√° sendo

[Passo a Passo] Instalando o Gradle 7.2 no Windows

  O Gradle √© uma ferramenta de automa√ß√£o de builds conhecida por sua flexibilidade e automa√ß√£o para cria√ß√£o de aplica√ß√Ķes. O processo de build inclui complila√ß√£o e empacotamento do c√≥digo. Al√©m disso o Gradle √© capaz de automatizar builds em variadas linguagens, como Java, Kotlin, Groovy, Scala, Swift e C++.  Ao contr√°rio do Maven e do Ant, que utilizam o XML para configura√ß√£o e constru√ß√£o do build, o Gradle utiliza scripts escritos em Groovy, permitindo o build, testes e deploy em diversas plataformas. Sem mais delongas, vamos seguir com a instala√ß√£o. Antes de come√ßar a instala√ß√£o, o √≥bvio precisa ser dito. Presumo que voc√™ chegou aqui por que j√° desenvolve em Java ou quer desenvolver, ent√£o tem o JRE ou JDK (que traz o JRE) instalado. Caso n√£o tenha o JRE (Java Runtime Environment) instalado, baixe em https://www.java.com/pt-BR/download. Agora vamos baixar o Gradle em https://gradle.org/releases/. O √ļltimo relase no momento desse post √© a 7.2. A op√ß√£o que escolhida, e como a pr√≥pria

[Linux] Alterando o nome do computador pelo terminal

 E ai meus amigos, tudo bem? Vamos para mais uma dica do pinguim. ūüźß Para renomear o computador pelo terminal √© bem simples. Primeiro, edite o arquivo ' /etc/hostname ' no seu editor favorito. Mais uma vez eu vou usar o nano aqui. Com o editor aberto, altere o nome atual, neste caso √© o 'ip-172-31-42-238'. Altere para o nome desejado, no meu caso vou alterar para o nome ' lab '. Em seguida salve o arquivo e saia do editor. Agora, edite o ' /etc/hosts ', substituindo qualquer entrada do nome antigo pelo novo nome. E por √ļltimo, execute o comando, com superusu√°rio, o comando ' hostname novo-nome-do-computador ', neste exemplo o nome √© lab , ent√£o: ' hostname lab '. Para confirmar que o nome foi alterado, executei novamente o comando ' hostname '. Pronto, se voc√™ abrir mais uma sess√£o SSH seu computador j√° estar√° com o novo nome configurado. F√°cil n√£o?! :) At√© breve para novas dicas.